Estação de metro mais profunda no mundo

Eu acho que é difícil encontrar duas estações de metrô idênticas: algumas mantêm o charme das épocas antigas, outras nos impressionam com seu design moderno. Apenas uma estação pode vangloriar-se com o título de mais profunda do mundo e ela está localizada na capital da Ucrânia Київ que em português pronuncia-se Kêiv. A estação Арсенальна (Arssenályna) está localizada na linha Svyatoshinsko-Brovarsky, entre as estações Хрещатик (Hrech-tchátêk) e Дніпро (Dnipró). As margens do rio Dnipro neste lugar são tão altas que os engenheiros tiveram de alcançar a marca recorde de 105 metros e agora uma viagem de escada rolante leva cerca de 5 minutos. Ela foi inagurada no dia 6 de novembro de 1960 como parte da primeira fase de construção. A estação recebeu este nome em homenagem à grande planta do lado que se chama Arsenal. Desde 1986, a estação possui o status de monumento arquitetônico de importância local.

Eu acho que é difícil encontrar duas estações de metrô idênticas: algumas mantentêm o charme das épocas antigas, outras nos impressionam com seu design moderno. Apenas uma estação pode vangloriar-se com o título de mais profunda do mundo e ela está localizada na capital da Ucrânia Київ que em português pronuncia-se Kêiv. A estação Арсенальна (Arssenályna) está localizada na linha Svyatoshinsko-Brovarsky, entre as estações Хрещатик (Hrech-tchátêk) e Дніпро (Dnipró). As margens do rio Dnipro neste lugar são tão altas que os engenheiros tiveram de alcançar a marca recorde de 105 metros e agora uma viagem de escada rolante leva cerca de 5 minutos. Ela foi inagurada no dia 6 de novembro de 1960 como parte da primeira fase de construção. A estação recebeu este nome em homenagem à grande planta do lado que se chama Arsenal. Desde 1986, a estação possui o status de monumento arquitetônico de importância local.

Se você gostou deste artigo e gostaria de aprender mais sobre a cultura russa e seu idioma, você pode fazer nosso curso de russo

Snizhana Maznova
Snizhana Maznova

Estou no Brasil a partir de 2006 e sinceramente posso dizer que adoro esse país com sua cultura tão rica e povo tão simpático. Meu pai é russo e minha mãe ucraniana com raízes da Polônia e Grécia. Até terminar época soviética vivi viajando entre Rússia e Ucrânia e considero os dois países como minha pátria. Além ministrar cursos de idiomas, trabalho como tradutora de russo e ucraniano. Atuo também como intérprete em reuniões entre brasileiros e pessoas da Rússia e Ucrânia, na área turística e viagens de negócio, e assistência para estrangeiros na abertura de empresa no Brasil e pesquisa no mercado etc.