Aurora Boreal na Rússia

murmansk_aurora_boreal

 

 

 

Está preparando sua viagem para Rússia? Seria uma boa ideia ir num lugar friozinho assistir tal fenômeno como Aurora Boreal. O que acha?

Aurora Boreal em russo é полярное сияние (palyárnaye siyániye) ou северное сияние (syévyernaye siyániye).

 

 

 

Como conseguir ver Aurora Boreal?

 

Para descobrir onde e quando na Rússia pode se ver Aurora Boreal, você precisa saber alguns detalhes.

  • Na maioria dos casos, você pode observar o brilho celestial no intervalo entre as dez horas da noite e meia-noite.
  • Para Aurora ser vista claramente, o céu deve estar sem as nuvens, e a noite tem que ser bem fria com a temperatura não inferior a -40°C.
  • Em condições de iluminação urbana não tem como enxergar as luzes do Norte, por isso é melhor assistir essa beleza fora da cidade. Céu claro e ausência da iluminação é o cenário ideal para conseguir observar a Aurora Boreal.
  • A melhor época para essa experiência é no período entre outubro e janeiro.

 

Onde se pode ser visto a Aurora Boreal na Rússia?

 

Na Rússia, à primeira vista, as possibilidades são quase ilimitadas para assistir as luzes do Norte porque o Círculo Ártico atravessa metade do país, e o grande show celeste é visto tanto em Karelia (Карелия), quanto em Chukotka (Чукотка). Mas no inverno, muitos locais tem acesso difícil, e em alguns lugares a temperatura pode cair até -45 ° C. Partindo de Moscou e São Petersburgo é melhor ir para caçar as luzes do Norte nas regiões de Arkhangelsk e Murmansk. Estes lugares são mais convenientes e mais baratos, e o clima no inverno não é tão rígido como, por exemplo, na Península de Taimyr.

 

Murmansk (Мурманск)

Na região de Murmansk, note os vilarejos Teriberka (Териберка), Vidjaevo (Видяево), Polyarny (Полярный), Pechenega (Печенега), ou qualquer outra cidadezinha com pouca poluição luminosa. A coisa mais importante é saber, que no inverno tem acesso de carro até lá. A ida e volta de avião a partir de Moscou até o Murmansk custa por volta de 7000-8000 rublos.

 

Khibiny (Хибины)

As montanhas Khibiny são situadas ao sul de Murmansk, e subindo numa montanha tem mais chances de encontrar o céu claro. Nesta região você pode esquecer a presença de iluminação. A infraestrutura, infelizmente, não é bem desenvolvida, e muitos hotéis estão fechados no inverno ou tem difícil acesso. Uma pousada razoavelmente boa para esta região “Kuelporr” no inverno promete viagem a partir de Kirovsk de motoneve.

 

Arkhangelsk (Архангельск)

A princípio, a Aurora Boreal pode ser vista também em Arkhangelsk, mas no contexto de auroras sua latitude perde muito perante a de Murmansk, por isso é bom considerar Arkhangelsk como lugar de viagem e, caçando Aurora Boreal, se deslocar mais para o norte da região. As passagens de ida e volta a partir de Moscou à Arkhangelsk custarão cerca de 6200 – 7300 rublos.

 

Vorkuta (Воркута)

Na República de Komi (Республика Коми), a Aurora Boreal não é uma raridade e às vezes pode ser vista até mesmo em Syktyvkar (Сыктывкар) em agosto, mas a fim de aumentar as chances é melhor se deslocar mais para norte, para Vorkuta. Tenha muito cuidado se você vai dirigir pela primeira vez no inverno no Norte. Ao anoitecer, você pode facilmente sair da estrada, se atolando na neve até teto.

 

Khatanga (Хатанга)

O vilarejo Khatanga é uma escolha para aqueles que procuram Aurora Boreal e a aventura ao mesmo tempo. Este é o coração da península Taimyr (Таймыр). A temperatura média anual por aqui é -13°C. Mas Khatanga é uma das cidades habitáveis do norte extremo da Rússia, e a sua localização é bem melhor (em termos de auroras) do que de Murmansk, e até da Islândia. Os aviões da avia companhia “KrasAvia” voam para Khatanga a partir de Krasnoyarsk (Красноярск).

 

 

Se você gostou deste artigo e gostaria de aprender mais sobre a cultura russa e seu idioma, você pode fazer nosso curso de russo

Snizhana Maznova
Snizhana Maznova

Estou no Brasil a partir de 2006 e sinceramente posso dizer que adoro esse país com sua cultura tão rica e povo tão simpático. Meu pai é russo e minha mãe ucraniana com raízes da Polônia e Grécia. Até terminar época soviética vivi viajando entre Rússia e Ucrânia e considero os dois países como minha pátria. Além ministrar cursos de idiomas, trabalho como tradutora de russo e ucraniano. Atuo também como intérprete em reuniões entre brasileiros e pessoas da Rússia e Ucrânia, na área turística e viagens de negócio, e assistência para estrangeiros na abertura de empresa no Brasil e pesquisa no mercado etc.

  • Filipe Amorim

    Bom dia,

    Qual das cidades é a melhor? Preço, paisagem, aventuras e etc…

    • Filipe, se você pergunta o que é felicidade em uma palavra cada pessoa responde diferente. Fica difícil responder qual das cidades é melhor. Você pode pesquisar as fotos na internet e informação sobre pontos turísticos e escolher qual é a melhor para você 🙂